Laranjal Paulista

Distante 158 quilômetros de São Paulo, Laranjal Paulista, da Região Imediata de Piracicaba, é uma atraente cidade interiorana para quem quer relaxar e mudar um pouco a rotina das cidades grandes. Às margens do Ribeirão Laranjal, o local possui clima tropical e conta com passeios rurais e gastronômicos, oferecendo lazer para todas as idades. Com 28.785 habitantes, de acordo com IBGE/2020, cresce na área da avicultura, na cerâmica e na fabricação de brinquedos, da qual é reconhecida como polo nos cenários nacional e internacional. Além disso, em maio de 2018 a cidade recebeu o certificado de MIT – Município de Interesse Turístico, o que desde então, possibilitou maiores investimentos no setor. O município é formado pela sede e pelos distritos de Laras e Maristela.


A atividade turística é forte quando o tema passa pelas festas religiosas se espalham por toda a região, comemoradas com bandas, fogos e rojões. Destaque, em especial para a Festa de São João, padroeiro da cidade, que dura de uma semana a dez dias, terminando no dia 24 de junho, dia do santo junino e feriado municipal. Nesta comemoração acontece uma procissão pelas ruas centrais da cidade, ao longo de dez dias, reunindo imagens de outros santos que representam as demais paróquias de Laranjal Paulista. A festa é uma tradição de mais de 100 anos e é a principal atração da cidade, considerada patrimônio cultural. Além disso, ainda conta com uma agitada quermesse que oferece comida e bebida típicas, parque de diversão, leilão de lenha, de prendas, pau de sebo, shows com muita música, cantores populares e uma boa quadrilha caipira para fechar com chave de ouro.
 
 

Vista de Laranjal Paulista, pelo Mirante da cidade, que oferece bons passeios rurais e gastronômicos aos seus visitantes
 

E para os turistas que buscam conhecer um pouco mais da história de Laranjal Paulista, uma boa opção de visitação é a Estação Ferroviária, aberta como ponta de linha em 1886. Exatamente no dia 11 de agosto de 1940, uma mudança no traçado da linha na cidade, entre o rio Sorocaba e a estação de Maristela, a estação alterou sua localização para o endereço que está até hoje, Em 1944, a antiga estação, a original, teria sido adaptada para ser casas para empregados. Nessa mesma época, o nome foi alterado para Laranjal Paulista. Foi restaurada em 2017 onde hoje funciona a Secretaria de Cultura e Turismo, Praça Antônio Alves Lima – Centro.


Conta a história que  a cidade ganhou o nome de Laranjal Paulista por conta de uma história antiga, da época dos tropeiros, que quando passavam por lá, usavam as árvores de laranja brava para lembrar e marcar o caminho. A ocupação urbana iniciou-se no século XVII e foi motivada pelos grupos tropeiros que iam em direção a Sorocaba. Em 1884, seguindo o traçado da Estrada de Ferro Sorocabana e a ela se antecipando, chegava Delfino de Mello. Como visionário que era adquiriu considerável gleba de terra e, para explorar comercialmente, construiu uma casa de pensão para abrigar os trabalhadores da Ferrovia. Em curto espaço de tempo o local despertou o interesse de famílias da região para outras atividades comerciais dando início ao núcleo urbano. Ainda em 1884 Delfino de Melo doou terreno para a construção de uma Capela na vila que, em 1886, tornar-se-ia o distrito Policial de Laranjal. Em 10 de outubro de 1917, foi criado o Município de Laranjal que, pelo Decreto Federal nº 14.334/1944, passou a chamar-se Laranjal Paulista.


 
 

Bom atrativo é antiga Estação Ferroviária, restaurada em 2017, e que deu lugar à Secretaria de Cultura e Turismo
 
Como chegar

Para ir até Laranjal Paulista, saindo de São Paulo, é preciso acessar a SP-280 (Rodovia Castello Branco) até a saída 99-A, a SP-097 (Rodovia Dr. Antônio Pires de Almeida) e a SP-300 (Rodovia Marechal Rondon).



 
Mais informações:  www.laranjalpaulista.sp.gov.br