Sud Mennucci

No extremo noroeste paulista, um ponto de parada se faz obrigatório pela beleza de suas paisagens embaladas com o pôr do sol daquela região do Estado: Sud Mennucci. Preparem suas máquinas fotográficas, pois cenário é o que não falta a essa pequena cidade com 7.728 habitantes, de acordo com o IBGE de 2020, e distante 625km de São Paulo, cujo entorno é regado pelas águas dos rios Tietê e São José dos Dourados.

Este destino é um Município de Interesse Turístico - MIT, desde 2018, pertencente à união de dez cidades que formam a Região Turística Pantanal Paulista (as outras são Andradina, Castilho, Ilha Solteira, Itapura, Lavínia, Mirandópolis, Pereira Barreto, Suzanápolis e Valparaíso.), todas muito próximas e localizadas na região onde os caudalosos rios Tietê e Paraná compõem um bioma digno de ser chamado de Pantanal. Esses municípios ficam próximos a duas barragens hidroelétricas (Jupiá e Ilha Solteira) e formam um roteiro turístico para visitante nenhum botar defeito: são praias de rios que também favorecem a pesca esportiva, os esportes náuticos e mergulhos e, além disso, esse pedaço do Estado apresenta uma deliciosa culinária típica e lugares dignos de passeios inesquecíveis que dão riqueza à visita. Destaque para o monumento Recanto do Tucunaré, na entrada da cidade, 

 



O monumento Recanto do Tucunaré fica na entrada da cidade e este peixe é um dos mais cobiçados da América do Sul
 
Vale ressaltar que Sud Mennucci é a cidade pioneira no Brasil por ter fornecido acesso wi-fi gratuito para toda a sua população, o que é um ganho para todo visitante munido de celular ou notebook. O Parque da Saúde, localizado no centro urbano, fornece espaços poliesportivos para quem ali chega e o dado importante, com acessibilidade total. Os amantes de pesca profissional e amadora vão à Prainha da Areinha e são capazes de encontrar, por exemplo, um dos peixes mais cobiçados do continente sul-americano, o tucunaré, que é encontrado facilmente neste MIT. De fato, um destino muito além de um nome, a cidade é um recanto ao cair do sol em pleno noroeste paulista. 

Sobre o interessante nome da cidade: Sud Mennucci foi um educador, geógrafo, sociólogo, jornalista e escritor nascido em Piracicaba em 1892. O município ganhou essa denominação em 1959 para homenagear o educador que, por sua vez, lutou bravamente no início do século XX pelos direitos dos professores e pela melhoria da qualidade de ensino no Brasil. O curioso é que nunca houve vínculo algum entre homem e cidade. O município começou mesmo com colonos que se fixaram em lotes e fazendas onde hoje é o distrito de Bandeirantes d’Oeste e o nome Sud Mennucci foi então adotado graças à indicação de um político paulista.


 
Vista do Parque da Saúde, localizado no centro urbano, com espaços poliesportivos e acessibilidade total
 
Como chegar

Para ir até Sud Mennucci, saindo de São Paulo, é preciso acessar a SP-348 (Rodovia dos Bandeirantes) até a saída 168, a SP-310 (várias denominações) até a saída do km 605,5 e a SPA-606/310 (Rodovia José Benigo Gomes).


Mais informações: www.sudmennucci.sp.gov.br