Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 23 de janeiro de 2022.
 
 
29/11/2021
Notícias
A importância da análise de pesquisas para o turismo paulista
Com mais de 80 municípios paulistas participantes, a reunião do CIET – Centro de Inteligência da Economia do Turismo, da Secretaria de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo –Setur-SP, realizada na manhã desta segunda (29/11), de modo virtual, mostrou a importância das pesquisas, análises e interpretação de dados para a planificação e fomento do setor. A exposição de Fábio Montanheiro, consultor da InvestSP/Setur-SP, teve como foco a devida orientação para os profissionais de turismo das cidades paulistas, a exemplo dos indicadores de desempenho que se mede no CIET.

Foram exibidos indicadores como, Mercado Aéreo – principais aeroportos paulistas; Terminais Rodoviários da Capital; Ocupação Hoteleira; Movimento nas Estradas Paulistas e Empregos Formais no Turismo Paulista. Montanheiro também deu dicas importantes quando o tema é pesquisa: “leia as informações e pense nas respostas; analise os gráficos individualmente primeiro e monte os gráficos em um formato que facilite a análise. Este quadro vai ajudar a compreender melhor esta ação. E para uma boa análise, pense qual o propósito da pesquisa sem repetir transcrição das já realizadas. É necessário checar pesquisas com o mesmo tema para comparação e trazer soluções e propostas sempre”. 

Os participantes foram informados que o CIET prevê crescimento de 17,8% do PIB do turismo em 2021 e de outros 8,6% de crescimento em 2022, sendo que em março de 2022 se retornaria aos níveis do final de 2019/início de 2020, sendo que esta recuperação poderá se dar antes, caso a vacina, a realizar-se entre janeiro e março, tenha efeito positivo imediato sobre oturismo. Já neste último trimestre do ano, são notados sinais do potencial de recuperação ainda que limitados em razão das precauções com a pandemia. Montanheiro informou que o movimento de carros particulares nas principais estradas do Estado de São Paulo no final de semana em outubro, por exemplo, já foi 4% superior ao de outubro do ano passado. A oferta de vôos domésticos já em dezembro e janeiro de 2020/2021 deverá ser 65% do que foi praticado em 2019, que foi um final de ano muito positivo em termos de movimento.

Ao final da reunião, o consultor da InvestSP afirmou que o mercado de turismo em São Paulo tem uma característica de ser o principal emissor de turistas nacionais e internacionais do Brasil. “Existe uma retenção de recursos para o turismo por parte da população de São Paulo formada por poupança retida, viagens nacionais e internacionais não realizadas no período, além da fidelização por passar a visitar destinos no Estado de São Paulo que não eram visitados anteriormente. Isso dá um valor adicional de R$ 13,4 bilhões em receita do turismo até o final de 2021”.


Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite