Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 29 de maio de 2022.
 
 
18/01/2022
Notícias
SP anuncia investimentos de R$ 17,6 mi para Carapicuíba e Francisco Morato

O Governador João Doria inaugurou nesta terça-feira (18) duas obras viárias em Carapicuíba e Francisco Morato, no valor de R$ 13,3 milhões, com recursos do Fumefi (Fundo Metropolitano de Financiamento e Investimento). Doria também anunciou R$ 17,6 milhões em investimentos em habitação e infraestrutura urbana e autorizou os estudos para permissão da exploração turística do Parque Aldeia de Carapicuíba.

“Entregamos um conjunto de obras e recursos para Carapicuíba e Francisco Morato, como a reformulação do Sistema Viário do Jandaia em Carapicuíba, a ordem de serviço para início de importantes obras viárias e de infraestrutura nas duas cidades da região Metropolitana de São Paulo, além da permissão de uso turístico do Parque Aldeia, favorecendo o desenvolvimento turístico e econômico de toda a região”, disse Doria.

Em Carapicuíba, Doria entregou a obra de reformulação e reurbanização do Sistema Viário do Jandaia. A intervenção facilitará o trânsito e a circulação de pedestres na região, reduzindo a incidência de congestionamentos e acidentes, além de contribuir para diminuir a ocorrência de alagamentos no local. O investimento estadual foi de R$ 4,7 milhões.

Em Francisco Morato, Doria entregou o trecho 1 das obras no Corredor Ouro Preto – via estrutural integrante do Sistema Viário de Interesse Metropolitano (SIVIM), com acesso direto a Franco da Rocha. As intervenções receberam R$ 8,6 milhões em investimentos estaduais e proporcionarão melhoria nas condições de mobilidade e mais segurança e conforto aos motoristas.

“Os projetos executados com recursos do Fumefi, vinculado ao Desenvolvimento Regional, sempre visam o interesse metropolitano, e não apenas local. Isso garante que recursos como estes atendam aos interesses de abrangência regional”, pontuou o Secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi.

Novos anúncios

Doria assinou a ordem de serviço para a duplicação da Avenida Antônio Faustino dos Santos, em Carapicuíba. A obra no valor de R$ 6 milhões trará mais segurança à população que circula no entorno do Parque dos Paturis e do conjunto habitacional COHAB, além de uma melhoria na mobilidade urbana e na acessibilidade ao município de Osasco e ao Rodoanel Mário Covas.

O Governo do Estado também autorizou aporte de R$ 4,3 milhões em recursos da modalidade Nossa Casa – Apoio para fomentar a construção de 332 unidades habitacionais do Residencial Vila Nova Fazendinha, em Carapicuíba. Os recursos serão disponibilizados na forma de subsídio para que famílias com até três salários mínimos façam a aquisição de moradias em empreendimentos aprovados pela Secretaria de Estado da Habitação.

O Governador ainda autorizou R$ 7,3 milhões em novos investimentos para os dois municípios. Serão liberados R$ 5,8 milhões para Carapicuíba, sendo R$ 5 milhões para obras de infraestrutura urbana e R$ 765 mil para construção de uma unidade da Casa SP Afro Brasil. Já Francisco Morato receberá mais de R$ 1,5 milhão para uma Casa SP Afro Brasil e uma Casa da Mulher.

Os municípios devem indicar projetos executivos para análise técnica. Depois de formalizados os convênios, os prazos e datas para pagamentos, bem como sua liquidação total, variam de acordo com a data de assinatura, fluxo das obras e prestação de contas. Os programas Casa da Mulher e SP Afro Brasil necessitam de indicação de terrenos por parte dos municípios para implantação dos programas.

Parque Aldeia

Doria assinou a autorização para o desenvolvimento da modelagem física, econômica e financeira visando a permissão de uso do Parque Aldeia de Carapicuíba. A ação será desenvolvida por meio de um convênio entre a prefeitura e a Secretaria de Turismo e Viagens do Estado para impulsionar, fomentar e desenvolver o turismo por meio da qualificação, inovação e preservação dos ativos históricos.

A Aldeia de Carapicuíba é a única entre as 12 fundadas pelo Padre José de Anchieta, no século XVI, para catequizar os índios. Oficialmente a fundação teria sido em 12 de outubro de 1580. O conjunto foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 1940. O convênio garantirá a aplicação das melhores práticas e ideias inovadoras que possam ser divulgadas e implementadas, visando a utilização sustentável de ativos de alto potencial turístico e o aumento do emprego e renda.

Os resultados devem ser apresentados ainda no primeiro semestre, com o detalhamento dos novos serviços que serão agregados à Aldeia, respeitadas as suas características de patrimônio histórico. Serão estudadas intervenções como restaurantes, lojas de artesanato e espaço para pequenos eventos, visando futura permissão de uso.



Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite