Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 25 de junho de 2022.
 
 
09/03/2022
REGIÕES TURÍSTICAS
Conheça a Região Turística Picos da Mantiqueira

 
Cruzeiro e Lavrinhas, com suas belezas naturais, compõem a Região Turística Picos da Mantiqueira
 



Para os que praticam turismo de aventura, ecoturismo e montanhismo (na modalidade trekking), essas duas cidades têm cenários deslumbrante e algumas das trilhas consideradas das mais bonitas do País. Para receber os visitantes, essa Região Turística de cerca de 90 mil habitantes (pelo IBGE de 2020) também oferece atrações como centros culturais, estações de trem, museus, cachoeiras, além de um visual serrano espetacular, tudo isso a uma distância média de 218,5 km de São Paulo. 

Em Cruzeiro, um imóvel de 1805, mais conhecido como o Solar dos Novaes, hoje abriga o Museu Major Novaes, local considerado o núcleo inicial do município. No acervo, cristaleiras italianas, móveis coloniais, documentos históricos, incluindo cartas trocadas com a Família Imperial. Já para os aventureiros, o Pico do Itaguaré, de 2.308 m de altitude, permite que se veja de lá de cima todo o Vale do Paraíba. O acesso ao morro é pela SP-052. Por sua vez, o Grande Túnel de 996 metros de comprimento, a uma altitude de 900m, pode receber visitas diariamente, enquanto o Pico dos Marins, na divisa com Piquete, tem 2.402 metros, fica a um quilômetro da fronteira com Minas Gerais e a trilha para levar turistas até lá oferece paisagens de tirar o fôlego.

Lavrinhas, por sua vez, é cortada tanto pela Rodovia Presidente Dutra quanto pelo Rio Paraíba do Sul, localizando-se, portanto, ao pé da Serra da Mantiqueira. São cachoeiras com águas cristalinas e geladas, piscinas naturais e balneários que fazem a diversão dos turistas, para além da beleza da paisagem para os que sobem a picos como a Pedra da Mina, a 2.798 m de altitude. A cidade também tem atrações como o Poço Azul, uma cachoeira a que se chega por trilhas de dificuldade média, para os amantes de trekking. Há prédios históricos como a antiga estação ferroviária, inaugurada em 1874 por D. Pedro II e que hoje abriga a Prefeitura, bem como a Igreja de São João Batista (de 1820) e o Sobradão, onde foi a primeira escola mista de Lavrinhas.


Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite