Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 27 de junho de 2022.
 
 
15/06/2022
Notícias
Conselheiros do Turismo com foco no progresso do setor
Entidades do Conturesp ressaltam suas demandas para uma melhor retomada dos serviços
 
Transporte aéreo, capacitação de mão de obra para o turismo de eventos e novos projetos para o crescimento do setor ganharam destaque durante a sexta reunião do ano do Conselho Estadual de Turismo de São Paulo – CONTURESP -, realizada na manhã desta terça-feira (14) na sede do Conselho Nacional de Turismo – CNTur -, na Capital. 
 
O secretário de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo, Vinicius Lummertz, defendeu uma união de setor em nível nacional e abordou temas como a situação das companhias aéreas e infraestrutura do setor, como a privatização dos aeroportos. “Na verdade, precisamos reunir os mais interessados em cada tema do setor, pois somos um país continental, sem trens e apenas com estradas boas em São Paulo. É preciso construir políticas inteligentes e unir as entidades. Faz-se necessária uma União Nacional de Turismo”, afirmou Lummertz. 
 
O secretário-executivo da Secretaria de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo, Guilherme Miranda, foi enfático ao focar a especialização de mão de obra. “Precisamos da união de todos para analisar as demandas do setor de eventos e ofertar cursos”. 
 
Durante a reunião, técnicos da SETUR/SP explicaram sobre a parceria do Turismo com a Secretaria de Educação, em especial desde agosto de 2021, para as eletivas com foco no Turismo aos alunos do Centro Paula Souza, cujo ensinamento vai ao encontro das demandas emergenciais no setor de eventos, que, por conta da pandemia, precisam de especialização profissional. 
 
No primeiro quadrimestre de 2022, já foram criados 24.711 postos formais diretos no turismo paulista, sendo que somente em abril foram 9.447 vagas diretas de emprego. Os dados foram apresentados por Fábio Montanheiro, técnico responsável pelo Centro de Inteligência da Economia do Turismo – CIET da SETUR/SP -, que também mostrou um panorama dos terminais rodoviários, das rodovias (em média são 24 milhões de passagens de veículos nas estradas por semana, sendo 10 milhões só nos finais de semana), aeroportos de Congonhas, Guarulhos e Viracopos, ocupação hoteleira e fretamento de ônibus.
 
Também participaram com demanda Antônio Reinales, da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis - ABIH- SP, que sugeriu uma reunião específica para a capital paulista, por conta da falta de segurança, que vem prejudicando o setor. Já Bruno Omori, presidente do Instituto de Desenvolvimento, Turismo, Cultura, Esporte e Meio Ambiente, IDT-CEMA, defendeu a abertura de cassinos e jogos no país, tema que há muito vem trabalhando para a geração de empregos. Márcio Santiago, presidente do Instituto Brasil Convention & Visitors Bureau, ressaltou a alta dos preços das atuais passagens aéreas, dificultando o turismo. O secretário-executivo do Conselho, José Roberto Magalhães disse que no próximo mês de julho dará posse à nova diretoria da entidade. Márcio Guerreiro, presidente da Associação Brasileira de Empresas e Eventos – ABEOC, anunciou que tem curso pronto para toda cadeia de eventos.

Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite